Quando a conversa gira em torno dos benefícios do Tribulus Terrestris, certamente que essa conversa é bastante interessante, pois essa erva encontrada em algumas partes do mundo realmente pode ser de grande ajuda no combate a doenças.

Essa erva medicinal é originária do Sri Lanka da Índia e do Paquistão e muito utilizada especialmente em países asiáticos e europeus sendo conhecida já há muitos anos. As sementes dessa erva são utilizadas em forma de chá, suplemento, extrato e também em cápsulas oferecendo muitas vantagens para saúde.

Planta in natura – apesar dos benefícios já comprovados do Tribulus Terrestris, não se aconselha o uso da planta in natura. Devemos entender que apesar de ser uma planta medicinal, ela oferece seus riscos, e o risco maior é usar uma dosagem exagerada.

estimulantes sexuais tribulus terrestris







Nutrientes da erva – o Tribulus Terrestris contém uma substância denominada Protodioscina, substância que garante todos os benefícios da planta. Essa substância estimula o óxído nítrico que tem efeito vasodilatador, agindo diretamente no controle da pressão arterial.

Por conta dessa substância os homens com problemas de ereção sentem-se estimulados por conta do aumento do hormônio LH no testículo do homem aumentando a testosterona e melhorando a ereção.







No Brasil o Tribulus Terrestris ainda é assunto para pesquisas, mas já existem comprovações de que a erva realmente é útil para prevenir e combater alguns problemas de saúde, e especialmente os fisiculturistas tem conseguido bons resultados, uma vez que o uso dessa erva aumenta os níveis de testosterona no sangue.

Benefícios para a mulher – já está comprovado de que o uso dessa erva por parte das mulheres contribui para aumentar a libido uma vez que ela controla os níveis hormonais. Com isso também a mulher é beneficiada com o aumento de sua fertilidade e com sua vida sexual.

Cuidados – o uso dessa erva provoca a produção do hormônio conhecido por Luteinizante que auxilia na produção da testosterona. Por ser um hormônio mais comum nos homens, para as mulheres o aumento dessa testosterona pode provocar alguns inconvenientes, como, por exemplo, a voz fica mais grossa, aumenta os pelos e ocorre uma maior definição muscular entre outros inconvenientes.

beneficios do tribulus terrestris

Em resumo, as mulheres podem usar essa erva, porém, com muita cautela, pois podem adquirir algumas características dos homens. Além disso, é desaconselhável o uso pelas mulheres gestantes, pois não existe uma segurança de que não vá afetar o feto.

Infecções urinárias – já está comprovado e muita gente tem percebido os resultados, pois o Tribulus Terrestris também é eficaz no combate a infecções da urina ajudando a eliminar qualquer impureza.

Frutos secos – o uso dos frutos secos dessa erva também é benéfico para a saúde, pois auxilia no combate ao vitiligo, melhora a disposição muscular, combate as doenças venéreas, vertigens e os transtornos da prisão de ventre.

Controle dos triglicerídeos – o uso dessa erva medicinal também colabora para controlar os níveis de glicose no sangue, prevenindo até mesmo as doenças do coração.

Massa muscular – dentre todos os benefícios dessa erva um dos mais conhecidos fica por conta mesmo do aumento da massa muscular e por isso, é bastante indicado para os praticantes de academia, uma vez que especialmente nos homens, desde que seja ingerido com cautela, proporciona o aumento nos níveis de testosterona.

o que é e quais os beneficios do tribulus terrestris

Riscos do excesso – apesar dos muitos benefícios para a saúde, o Tribulus Terrestris não deve ser ingerido em excesso e também o tratamento não deve ser prolongado.

Entre os perigos pelo uso excessivo, nas mulheres pode causar uma reação inversa para torná-la infértil, e, além disso, causar impurezas na pele como a acne e algumas manchas, alterações no ciclo menstrual, aumento do clitóris, entre outras complicações. Nos homens pode causar atrofia nos testículos, infertilidade e ainda agravar um câncer de próstata ou testículo já existente.

Doses recomendadas – essa erva deve ser ingerida com água com doses que deverão ser recomendadas pelo médico variando entre 750 mg e 1500 mg. Para isso, podemos dividir a dosagem para ingerir sempre após as principais refeições.

Homens – para os homens o recomendável é que se use o produto por 2 meses seguidos fazendo uma interrupção pelos 2 meses seguintes.

Mulheres – as mulheres precisam tomar mais cuidado e usar por menos tempo. Melhor é começar a partir do 5º dia menstrual e estender o seu uso até o 14º dia de cada ciclo menstrual. Durante o restante do mês, deverá ser evitado.

As mulheres não devem esquecer que essa erva contribui com o aumento da Testosterona e com isso também aumenta o Estrogênio, podendo causar os efeitos colaterais que já foram citados acima. Por isso, melhor é usar essa erva com bastante cautela.

Contra-indicações – essa erva medicinal não pode ser ingerida por todo mundo, por isso, é imprescindível a orientação de um médico profissional. A erva é contra-indicada para qualquer pessoa que tenha algum tipo de câncer.

Além disso, deve ser evitado pelas mulheres que sofrem com queda de cabelos, tem pele oleosa, problemas cm alterações na glândula suprarrenal, síndrome de androginia, entre outras complicações de saúde.







Leia também...