Saber como trocar um piso cerâmico quebrado pode evitar alguns transtornos maiores, pois bem sabemos que em casas com esses revestimentos o perigo de alguns acidentes está sempre presente, e conforme a pancada pode muito bem danificar a lajota, mas se acaso tivermos conhecimento sobre a troca, basta termos uma peça para reposição.

E com tantas ofertas em pisos cerâmicos no mercado e cada marca oferecendo suas características nem sempre confiáveis, se descuidarmos um pouco facilmente compramos gato por lebre e muitos vendedores não estão nem um pouco interessado se realmente vamos nos agradar do que compramos.

Como resultado, mesmo sem uma causa justa poderemos nos deparar com o problema do piso danificado para comprometer a beleza do ambiente. Esses danos no caso da cerâmica não ser de boa qualidade pode acontecer até mesmo por conta da umidade que é absorvida pela peça enfraquecendo a massa dessa cerâmica.

Por isso, saber trocar essas peças por nossa própria conta poderá ser bem providencial uma vez que não precisaremos pagar pelo serviço de um profissional.







Precaução – é muito comum na hora da compra dos pisos cerâmicos ou mesmo de revestimentos de parede, o vendedor oferece até 1,50 m² a mais do que é necessário, pois se acaso acontecer esses acidentes e uma peça precisar ser trocada, essa já estará segura em suas mãos.

Para fazer o trabalho de reposição, primeiramente vamos ter que tirar a peça quebrada sem danificar o restante do piso. Para isso, o conselho é usar uma makita para retirar o rejunte da peça danificada para então retirar os cacos com cuidado sem prejudicar outras peças.







aprenda como trocar um piso ceramico quebrado

como trocar um piso ceramico quebrado na diagonal

como trocar um piso ceramico quebrado na piscina

como trocar um piso ceramico quebrado na sala

como trocar um piso ceramico quebrado parede da cozinha

como trocar um piso ceramico quebrado rapidamente

dicas de como trocar um piso ceramico sem bagunca

saiba como trocar um piso ceramico quebrado na escada

Se a peça quebrada ainda está inteira no local, faça um X sobre a peça com o uso de um lápis riscador com vídea e a partir daí comece a deslocar a peça sempre com o cuidado para não mexer com as peças em redor.

Dependendo da situação ainda pode ser necessário retirar um pouco do concreto onde a peça cerâmica estava presa, e nesse caso use um punção ou uma talhadeira com um martelo não muito pesado para retirar algumas lascas do piso.

Feito isso, é só aplicar uma camada de argamassa no verso da peça a ser colada e colocá-la no lugar devido. Verifique então se ela ficou no mesmo nível das demais e o serviço de troca estará pronto.

Antes de rejuntar – espere ainda algumas horas até que a peça esteja bem colada para daí então colocar o rejunte e terminar o trabalho. Depois disso, é preciso fazer a limpeza na peça retirando os vestígios de argamassa que porventura tenham ficado e também juntar o resto da bagunça para deixar o local pronto para uso novamente.

O processo de troca é aparentemente muito simples, porém é preciso ter muito cuidado, pois qualquer erro pode causar danos a outras peças cerâmicas no piso. E além de cuidar para não danificar outras peças, ainda é preciso cuidar com os cacos da peça que será retirada, pois é muito fácil se acidentar com eles uma vez que são como verdadeiras navalha para cortar a pele.

Segurança – por isso, não é exagero aconselhar o uso de luvas e óculos de proteção para fazer esse trabalho, e ainda, se o local não for ventilado, até uma máscara seria bem interessante usar.

Quanto ao tempo para realizar esse trabalho e o grau de dificuldades, isso vai variar da experiência de que realizará esse trabalho e de como ele foi colocado. Se acaso é um piso mais antigo que tenha sido colocado em cima do concreto, certamente que o trabalho será mais complicado, mas se ele foi assentado com argamassa, tudo fica mais fácil.

Graças a essa técnica, é muito fácil resolver problemas com trocas de pisos, e isso, independente do tamanho das peças, basta ter as ferramentas disponíveis para realizar o trabalho mais rapidamente e sem muitos transtornos.

Com essa mesma técnica poderemos resolver os problemas com a troca de revestimentos de parede que apresentam esses problemas com maior freqüência provocados por possíveis vazamentos de tubulação que precisam ser consertados.

Em nossos dias já podemos contar com a ajuda da internet para sanarmos as dúvidas com respeito a esse trabalho. Por isso, se você quer de fato saber como agir nesses tipos de trabalhos, aproveite para fazer suas pesquisas na internet visitando os sites especializados em serviços de reforma.

Com certeza você vai encontrar dicas bem aproveitáveis para aprender a realizar esses trabalhos e economizar nos gastos dessa reforma.

Então uma vez aprendendo direitinho a técnica de troca de peças cerâmicas, se existirem as peças de reposição, você evitará o transtorno de ter que mexer em toda a extensão desse piso precisando substituí-lo por um piso novo.

Uma dica importante – na hora de revestir um ambiente de muito trafego com peças cerâmicas, procure deixar uma junta de dilatação mais larga do que o normal, com isso, se acaso precisar trocar alguma peça, o trabalho de troca dessas peças será facilitado, uma vez que o próprio rejunte sairá com maior facilidade.







Leia também...